24 de maio de 2014

Resenha #3 - Fallen


Autor: Lauren Kate
Páginas: 406
Editora: Galera Record

Sinopse: Algo parece estranhamente familiar em relação a Daniel Grigori. Solitário e enigmático, ele chama a atenção de Luce logo no seu primeiro dia de aula no internato. A mudança de escola foi difícil para a jovem, mas encontrar Daniel parece aliviar o peso das sombras que atormentam seu passado: um incêndio misterioso levou Luce até ali. Irremediavelmente atraída por Daniel, ela quer descobrir qual é o segredo que ele precisa tanto esconder... mesmo que isso a aproxime da morte.

A autora escreve de uma maneira sensacional. Sabe prender um leitor em cada página, em cada palavra! O cenário escolhido para a história é um ponto bem forte: Um reformatório. Neste lugar existem personagens com atitudes estranhas e seus passados são sinistros.
Ariane é uma das primeiras meninas a fazer amizade com Luce. Ela é bem louquinha, dona de si, corajosa e tem um ótimo humor. A segunda a se juntar é Penn, uma menina hiper meiga. É fácil de se encantar por ela, pois tem aquele perfil de melhor amiga mesmo! Sempre dando dicas, conselhos e ajudando Luce em todas as horas.
Nesta obra alguns mistérios ficam em aberto, mas com certeza serão discutidos e desvendados nos próximos livros da série. O maior problema de Luce é a autopiedade. Ela vive lamentando a vida que tem e o que aconteceu com ela, de como o seu destino foi cruel e coisas do tipo!
Mesmo assim o livro conquistou meu coração e eu queria que essa série não acabasse nunca mais. Os personagens são tão maravilhosos que você acaba querendo que eles virem realidade, acaba se apaixonando por eles. Maravilhoso é pouco para esse livro!

Quotes:

"Do jeito que a água brilhava na luz solar, quase parecia que ele tinha asas." P.119.

"Ela só devia ser capaz de ver um pouco mais sobre o teto, mas as sombras pareciam de alguma maneira estender-se sobre os limites. Em um estranho e escondido céu. Todas estavam amontoadas umas sobre as outras, mas ainda assim, de alguma maneira, era distintas." P.140.

"Luce sorriu, honrada ao perceber o que Daniel estava dizendo, que ele nunca havia estado com outra pessoa no lago. Somente ela." P.164.

"Ele olhou para ela, com a mais triste expressão no rosto dele, como se ele tivesse perdido algo precioso. Esse era o Daniel que ela conhecia, apesar de ela não poder explicar como ou de onde. Este era o Daniel que ela... amava." P.214.

Nenhum comentário:

Postar um comentário