30 de junho de 2014

Resenha #14 - Garota Infernal

Autores: Audrey Nixon e Diablo Cody
Páginas: 192
Editora: Record

Sinopse: Livro de Audrey Nixon, baseado no roteiro de Diablo Cody, a ganhadora do Oscar de melhor roteiro original pelo filme "Juno". O livro conta a história de Jennifer, uma popular líder de torcida que, após um ritual, é possuída por entidades demoníacas e passa a assassinar os garotos da cidade e se alimentar de seus corpos. Cabe à melhor amiga de Jennifer impedir seus ataques e ir atrás da banda de rock responsável por iniciar a transformação de Jennifer.

Peguei esse livro para ler depois de o ter sorteado no potinho dos não lidos e confesso que estava louca para lê-lo. Já havia olhado o filme e, apesar de ser meio trash, gostei bastante! Então esperava encontrar novos dados e fatos nas páginas, algo que não tivesse ido para as telas.
Infelizmente o livro me decepcionou totalmente. Ele segue a risca as cenas do filme. Não há nada de novo. Não foi baseado no roteiro e sim um copia e cola! Decididamente não gosto de livros inspirados em filmes! :P


Needy, a garota nerd, é a melhor amiga de Jennifer, a gostosona da escola. Sua amizade é oriunda da infância, mas mesmo assim a gata não cansa de humilhar e sacanear Anita. Tudo muda na noite que uma banda de rock chega a cidade para um show. Jennifer é levada por eles para servir de sacrifício à satã, mas algo dá errado e, em vez dela morrer, um demônio se apossa do seu corpo.
A partir daí estranho assassinatos começam a acontecer. Needy  desconfia de Jennifer, mas não consegue provar. Começa então um jogo de gato e rato. Todo mundo começa a achar que Anita está surtando. Quando ocorre o assassinato de Ship, namorado da Needy, ela decide agir.
Seu ato a leva para uma espécie de manicômio feminino, mas, por incrível que pareça, Anita ganhou alguns poderes e consegue fugir. Então coloca-se em uma busca pela banda que começou tudo isso.
É bem nessa parte que eu esperava mais detalhes, mas eles não vieram. Decepção total! Se você é como eu e gosta de novos fatos não leia, mas se não for assim até que é uma leitura que flui bem. A capa é linda, a diagramação perfeita, folhas amareladas com fonte grande e bem espaçada.


Quotes:

"Ao tirar as calças do pijama para vestir a roupa de ginástica, vejo as cicatrizes. Eu meio que gosto da aparência... Elas me dão um quê de perigosa. Por um minuto, passo o dedo e sinto as linhas inchadas que marcam minhas coxas. Foi uma briga daquelas." P. 11;

"Então o guitarrista soltou outro acorde de furar o tímpano e a banda tocou a canção de rock mais impressionante e mais assustadora de todos os tempos. Hoje faz parte do zeitgeist nacional, mas naquele momento foi uma revelação. - Através das árvores vou achar você!" P. 46;

"Ela parecia saída de um pesadelo. A jaqueta branca acolchoada agora era vermelha escura, e sua bota azul direita estava torcida em um ângulo estranho, como se ela tivesse machucado o tornozelo. O cabelo estava completamente emaranhado. Os ombros estavam curvados e o rosto, voltado para o chão." P. 58;

"Alguém destroçou o Jonas membro por membro no mato atrás da escola. E... comeu parte dele." P. 85;

"O pobre rapaz achava que era ele que estava me fazendo mal. Então a verdade me atingiu de um só vez: era ela!" P. 101;

"Agarrei a mão dela e devagar tirei o objeto. A mão continuava a sangrar, por isso eu a enfiei na boca e chupei. Era  que eu fazia com minhas feridinhas, por isso achei que iria funcionar com ela, também. [...] - Agora somos irmãs." P. 108;

"Não é que eu não acredite em você; só não acredito nisso. - Ele deu um tapinha no fichário com o dedo." P. 141;

" - Tsc, tsc - retrucou ela. - Você vive dizendo que tenho sido uma péssima amiga todos esses anos. Acho que vou te dar essa chance agora." P. 160.

2 comentários:

  1. Legal!! Gostei da resenha!!!
    Você disse que foi decepcionante, mas na foto o livro tá cheio de quote. Então tem lá suas vantagens né?! rsrs

    Amore, indiquei você nesta tag aqui: http://topensandoemler.blogspot.com.br/2014/07/tag-como-eu-leio.html

    Espero que goste!!

    Bjks

    Lelê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lelê. Foram várias quotes realmente, mas o final foi decepcionante. Esperava que o livro fosse baseado no roteiro e não apenas o mesmo escrito em forma de livro. Queria um quê a mais, sabe! Infelizmente não teve. Obrigada pela indicação e pela visita.

      Bjoks da Gica.

      Excluir